Galeria de fotos

Não perca!!

Cidade

Operação quebra-mola no padrão
Operação quebra-mola no padrão

A agonia do motorista camaçariense que tem que transpor verdadeiras barreiras, chamadas de quebra-molas, redutor de velocidade tupiniquim, ou quebra-carro, espalhado pela cidade, em casos de ter que enfrentar até 9 desses "equipamentos" numa distância de apenas trezentos metros, está com os dias ou, em alguns casos, com as horas contadas.

Pautada por esse portal, a Superintendência de Transito e Transporte (STT) começou a operação pelo Jardim Limoeiro e deve seguir por onde mais houver desses equipamentos fora dos padrões no município.

A promessa do órgão é reconstruir os quebra-molas, agora conforme as normas da Resolução n° 600 do Conselho Nacional de Trânsito- CONTRAN, onde a autarquia municipal reguladora do transito entender que há essa necessidade, e sinalizar com avisos verticais onde ela entender que será suficiente para controlar o motorista placas limitando em 20 ou 30 km a velocidade do carro.

Vale salientar às cabeças pensantes do governo, apesar de que sabemos que "conselho e água só se dá a quem pede", que o que incomoda o motorista, ou dificulta a trafegabilidade nas vias, não são os quebra-molas em si, mas o padrão com que esses equipamentos são construídos. Ademais, já que se fala em "mobilidade segura", numa cidade onde se conta mais bares do que pessoas, querer limitar o motorista desprovido de educação e consciência de transito, além dos bêbados, com placas sinalizadoras sem que antes haja um trabalho de educação de transito intensivo e duradouro, acreditamos, só funciona na cabeça de quem não pensa.

Mas como conselho e caldo de galinha não faz mal a ninguém, insistimos em dizer que já que o governo pensa em controlar o motorista deseducado e embriagado com placas a toque de caixa, e quer ele, dizemos, sua engenharia, decidir onde deve ou não haver uma dessas barreiras, que tal antes de cada "decisão" consultar os moradores da rua, que não terão instalado à toa tais equipamento, sobre a situação?

E sabe por quê o conselho? Por que a soma de motorista irresponsável + criança na rua + rua sem quebra-molas + jornal, pro governo pode não ficar legal...

Veja também:

CFF pauta prefeitura e STT retirará quebra-molas irregulares das ruas da cidade

CFF aplaude ação da prefeitura pela remoção de placas publicitárias de calçadas

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 
Banner

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br