Galeria de fotos

Não perca!!

Política

Deputado federal baiano Pastor Sargento Isidório (Avante-BA) (Foto: Reprodução)
Deputado federal baiano Pastor Sargento Isidório (Avante-BA) (Foto: Reprodução)

"Se chamando o ministro de 'tchuchuca' terminou naquele jeito, imagina terminando na bala", criticou o deputado, em vídeo registrado pela imprensa

O deputado federal baiano Pastor Sargento Isidório (Avante-BA) encenou um ataque na Câmara dos Deputados ontem (9), em protesto contra o decreto de Bolsonaro que facilita o porte de armas para várias categorias, incluindo políticos.

Com uma arma de brinquedo em punho, ele deitou ao chão, ao lado de um assessor, e começou a falar sobre os possíveis efeitos decreto.  

"O que será da nossa nação? Essa nação que queremos? Porque não somos os EUA, somos brasileiros. Imaginem o inferno que será essa nação com todos os políticos armados. Imaginem a discussão da reforma da Previdência. Se chamando o ministro de 'tchuchuca' terminou naquele jeito, imagina terminando na bala", criticou o deputado, em vídeo registrado pela imprensa.

Isidório declarou apoio a Fernando Haddad (PT) no segundo turno da eleição, mas depois do pleito chegou a declarar que apoiaria "tudo que fosse bom" do governo Bolsonaro e fez ressalvas a alguns posicionamentos do presidente em relação a armamento e força policial.

Vídeo

Veja também:

Juristas questionam legalidade de decreto que facilitou porte de armas

Decreto de Bolsonaro facilita porte de arma para mais categorias

MPF-BA investiga corte de verbas das universidades públicas federais

Cortes nas universidades ofendem a democracia

UFBA, UnB e UFF: MEC anuncia corte de verbas de universidades por 'balbúrdia'

Bolsonaro perde 'voto de confiança' dos mais pobres, aponta Ibope

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br