Galeria de Fotos

Não perca!!

Política

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) (Foto: Reprodução)
Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) (Foto: Reprodução)

Ministro Dias Toffoli havia autorizado saída do petista, mas já não dava tempo de comparecer ao sepultamento, marcado para as 13h

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso em Curitiba, Paraná, desde abril de 2018, desistiu de ir ao enterro do irmão após permissão concedida pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, dada poucos minutos antes do sepultamento.

Velório do irmão

Após negativas de juízes, com respaldo em procuradores do Ministério Público Federal, o ministro autorizou a saída do petista para se despedir do irmão em São Paulo na manhã desta quarta-feira, 30. No entanto, o enterro estava marcado para as 13h e não daria tempo do metalúrgico chegar ao local.

Genival Inácio da Silva, o Vavá, faleceu na terça-feira, 29, vítima de câncer. Toffoli havia assegurado o direito do ex-presidente se encontrar apenas com familiares, que levariam o corpo do irmão para que Lula se despedisse.

“Concedo ordem de habeas corpus de ofício para, na forma da lei, assegurar, ao requerente Luiz Inácio Lula da Silva, o direito de se encontrar exclusivamente com os seus familiares”, havia decidido o juiz.

Veja também:

Toffoli autoriza Lula a sair da prisão para ver seu irmão antes de enterro, minutos antes do sepultamento

Lula recorre ao Supremo para ir ao velório do irmão; Toffoli decide

TRF-4 nega recurso para Lula ir ao velório do irmão

Morre Vavá, irmão de Lula morre; ex-presidente quer ir ao velório

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br