Galeria de fotos

Não perca!!

Política

.
.

O filho do ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), usou as redes sociais para fazer um desabafo na noite desta quarta-feira, 17. "Será que só pagar pelo silêncio alheio? Ou será que derrubar avião também está valendo? Não tenho como não pensar que não mandaram matar o meu pai!", disse Francisco Prehn Zavascki após denúncia de que o presidente Michel Temer (PMDB) teria incentivado o pagamento de propina para Eduardo Cunha (PMDB) ficar calado na prisão.

No texto, Francisco acusa o PMDB de tentar barrar a Lava Jato. "As investigações começaram a ficar mais e mais perto e os líderes do PMDB viram como única saída, realmente, brecar a Operação a qualquer custo. Para isso, precisava do poder. Derrubaram a Dilma e assumiu o Temer. Do que eles são capazes?".

Francisco também disse que o pai, que morreu em um acidente aéreo em janeiro deste ano, estava aflito com a chegada de 2017 por conta das descobertas de corrupção envolvendo políticos. "Aflito ao ponto de me confidenciar que havia consultado informalmente as Forças Armadas e que tinha obtido a resposta de que iriam sustentar o Supremo até o fim!".

Ele ainda pediu o afastamento do presidente Temer. Durante a madrugada desta quinta, 18, Francisco voltou a se pronunciar e disse que agiu em um "momento de grande emoção", mas não negou nenhuma das informações que constam no outro post.

 

 
Banner
Banner

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br