Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Política

Cerca de mil servidores públicos municipais cruzaram os braços (Foto: CFF/Marcelo Franco)
Cerca de mil servidores públicos municipais cruzaram os braços (Foto: CFF/Marcelo Franco)

Procurando um bom motivo para aparecer, o presidente da Câmara Municipal, Zé de Elísio (PP) resolveu pegar carona na greve dos funcionários da Prefeitura. De acordo com o assessor do Sindsec (Sindicato dos Servidores Públicos de Camaçari), Washington Mattos, Zé de Elísio mandou um recado colocando a Câmara à disposição dos grevistas. “Fomos informados de que o presidente da Câmara pôs a Câmara (sic) à nossa disposição”, declarou o assessor sindical.

Sem conseguir decolar a sua pré-candidatura a prefeito, o edil usa de todos os artifícios para se manter em evidência, nem que para isso tenha que colocar o Legislativo de joelhos perante a uma das prerrogativas concernentes a este Poder: a mediação. Caberia à Câmara Municipal, diante de tal situação conflituosa, ao contrário de acirrar, mediar um acordo entre as partes envolvidas. Além de princípio elementar da democracia, o bom senso assim o exigiria.

No entanto, o recado de Zé de Elísio, nas entrelinhas, revela mesmo o objetivo de acirrar ainda mais o conflito entre servidores e Prefeitura. O presidente da Câmara sugere que “o circo pegue fogo” e assiste de camarote o impasse, pois sequer saiu do frescor do seu gabinete para, pessoalmente, prestar a dita “solidariedade” aos servidores em greve. Mandou um recado. Quer dizer, botou lenha na fogueira para acender as suas aspirações eleitoreiras.

Depois de ter sido desmentido pelo presidente estadual do PRP, Jorge Aleluia, de que o PMN de Camaçari teria declarado apoio à sua pré-candidatura [‘O PMN foi entregue a mim e a Marco”, teria dito Aleluia], Zé de Elísio procurou abrigo na greve dos servidores pretendendo tirar algum proveito. Com mais essa bola fora, sua Excelência torna-se o maior coveiro da sua pretensão de ocupar a principal cadeira do Executivo. Um sonho, aliás, a cada dia mais distante.

Veja também: CFF - Funcionários públicos seguem em greve e acusam ''leões de chácara" da prefeitura de agressão

Saiba mais sobre: Cidade

Washington Mattos: “Fomos informados de que o presidente da Câmara pôs a Câmara (sic) à nossa disposição” (Foto: CFF/Adriana Lopes)
Washington Mattos: “Fomos informados de que o presidente da Câmara pôs a Câmara (sic) à nossa disposição” (Foto: CFF/Adriana Lopes)

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br