Galeria de Fotos

Não perca!!

Política

Ainda não foi confirmado, mas o evento promovido pelo petista deputado estadual Joseildo Ramos está sendo bem cotado
Ainda não foi confirmado, mas o evento promovido pelo petista deputado estadual Joseildo Ramos está sendo bem cotado

O que seria uma sessão especial virou uma audiência pública, mudou de sede, mas continua roubando a cena no Legislativo estadual nos últimos dias. O evento que vai debater a Privataria Tucana, com base no polêmico - e recordista de vendas – livro homônimo do jornalista Amaury Ribeiro Jr., será realizado na próxima quinta-feira, 1º de março, no Hotel Fiesta e tem mexido com os ânimos dos parlamentares da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA).

Não escancaradamente, os deputados oposicionistas não se agradaram muito com a temática da audiência e chegaram a sugerir uma sessão especial para debater o “Mensalão”, com a presença de Roberto Jeferson. Ainda não foi confirmado, mas o evento promovido pelo petista deputado estadual Joseildo Ramos está sendo bem cotado. “Não será um debate para apontar este ou aquele político, mas para falar da conjuntura, da derrocada da economia, o que melhorou e o que piorou no Brasil após o processo de privatização protagonizado pelo governo tucano”, disse o parlamentar.

Ramos afirmou durante a sessão ordinária desta terça-feira, 28 de fevereiro, que o evento será uma oportunidade também de debater os motivos pelos quais a chamada grande imprensa brasileira silenciou-se e “não publicou uma linha sequer sobre esse livro”, dado à relevância do assunto que este denuncia e o fato de não ser encontrados mais exemplares da obra, por conta do sucesso de vendas.

“O processo de pirataria das privatizações tucanas, à época, pelo governo do PSDB, foi um capítulo que envergonhou o país”, declarou o deputado Yulo Oiticica (PT). Para ele é importante ter transparência nos debates, para evitar que episódios como aquele mostrado pelo livro A Privataria Tucana não voltem a ocorrer no Brasil.

Com apenas 11 parlamentares presentes, a sessão não se sustentou por muito tempo e foi encerrada por falta de quorum.

 

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br