Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Nacional

A cena foi tão violenta que parte do teto do local desabou (Foto: Reprodução)
A cena foi tão violenta que parte do teto do local desabou (Foto: Reprodução)

Mais de dez pessoas foram atropeladas e um casal precisou ser hospitalizado, em Feira de Santana, no último sábado (12). A cena foi tão violenta que parte do teto do local desabou. Milagrosamente, apesar dos vários feridos, ninguém morreu e o casal já recebeu alta.

Nas imagens gravadas pelas câmera de segurança do bar, é possível ver uma SUV parada a poucos metros do bar, onde dezenas de pessoas bebiam e se aglomeravam sem se preocupar nem com a pandemia de covid-19 nem com a proximidade perigosa entre as mesas e a pista, imediatamente ao lado.

De repente, o veículo avança em uma velocidade considerável, arrastando mesas, cadeiras, pilastras e pessoas, além de copos e garrafas de vidros. Três mesas e seus ocupantes são arrastados por alguns metros. A cena toda é tão rápida que não dá tempo ninguém desviar.  

Em entrevista ao UOL, o dono do bar sugere que não foi um acidente: "parece que foi proposital. Se você olhar as imagens, é possível ver que ela está parada, esperando Deus sabe o quê. Do nada, ela vem de vez direto para os clientes. Tem até uma subida que para o carro passar tem que acelerar bem. Pode até não ter sido, mas é o que parece", declarou o homem que não teve a identidade divulgada.

Ainda de acordo com ele, a motorista - cuja identidade também não foi divulgada - estava no bar minutos antes da cena. Não se sabe se ela estava bêbada.

Apesar das suposições, no entanto, é possível notar nas imagens que antes do atropelamento ela estava com a luz de freio acesa, o que significa que ela estava pisando do freio ou com o freio de mão engatado. Então a luz se apaga e segundos depois o veículo acelera, em marcha à ré.  

É possível que ela "apenas" tenha engatado a marcha por engano ou acelerado demais, talvez por embriaguez. Há quem acredite que ela estava apenas tentado estacionar o veículo em uma vaga. No entanto, essas também são suposições, já que a mulher fugiu sem prestar socorro.

George Santiago e Kely Figueiredo, o casal que foi encaminhado ao hospital, sofreram lesões na coluna e na cabeça, mas nada mais grave. Segundo George, o carro chegou a passar por cima de Kely.

"Foi Deus quem deu um livramento. O carro passou por cima de Kely. Estávamos sentados com meu primo e a esposa dele e mais dois casais. A gente pediu a conta e, quando o garçom veio, foi já hora que formos surpreendidos”, declarou ao UOL.

Vídeo

aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br