Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Nacional

Presidente Jair Bolsonaro e o ex-ministro Sérgio Moro (Foto: Reprodução)
Presidente Jair Bolsonaro e o ex-ministro Sérgio Moro (Foto: Reprodução)

Encontro é apontado por ex-ministro como prova de que Bolsonaro cobrou a substituição do diretor-geral da PF e do superintendente no Rio

A Polícia Federal vai exibir, na manhã desta terça-feira (12), a restrito grupo de autoridades que tiveram permissão ministro Celso de Mello, a gravação da reunião ministerial de 22 abril, na qual, segundo o ex-ministro Sérgio Moro, o presidente Jair Bolsonaro teria cobrado a substituição do diretor-geral da PF e do superintendente no Rio. Moro irá a Brasília para acompanhar a exibição, acompanhado por seu advogado Rodrigo Sánchez Rios.

No sábado, 9, o decano do Supremo autorizou que o ex-ministro, o procurador-geral da República Augusto Aras e o advogado-geral da União José Levi Mello do Amaral Júnior tenham acesso ao vídeo entregue pelo governo na noite de sexta, 8.

No despacho, o ministro indicou que a data de acesso seria designada pela presidente do inquérito, delegada Christiane Corrêa Machado, que mostraria o conteúdo integral do HD entregue pelo governo ao STF em 'ato único'.

Segundo a PGR, assistirão ao vídeo os procuradores que já acompanham o caso - João Paulo Lordelo Guimarães Tavares, Antonio Morimoto e Hebert Reis Mesquita.

Clique aqui e siga-nos no Facebook

Veja também:

Ex-chefe da PF presta depoimento em inquérito sobre acusações de Moro a Bolsonaro

Justiça Federal dá 72 horas para Bolsonaro explicar mudança no comando da PF no RJ

Moro: 'Você tem 27 superintendências, eu quero apenas uma', disse Bolsonaro

'Será que abandonamos toda e qualquer dignidade?', questiona Moro

Generais desmentem Bolsonaro: se ele quiser dar golpe que vá buscar apoio em outro lugar

Moro presta depoimento à Polícia Federal neste sábado

Bolsonaro nomeia André Mendonça para Ministério da Justiça no lugar de Moro

'Conta' pelas mortes por covid-19 é de prefeitos e governadores, diz Bolsonaro

Sergio Moro terá 'duelos' no STF contra Bolsonaro e Lula

Lava Jato vê espaço para obstrução de investigações com saída de Moro

Escolhido para chefiar a PF fez segurança de Bolsonaro e tem a confiança dos filhos

Bolsonaro diz que Moro propôs aceitar demissão de diretor da PF se fosse indicado ministro do STF

Vídeo - Bolsonaro faz pronunciamento no Palácio do Planalto

'Por enquanto, só lamentar', diz general Villas Bôas sobre saída de Moro

'Bolsonaro queria interferir na PF e ter acesso às investigações', diz Moro

The Intercept: Ei, general... desobedece quem tem juízo

Deputada diz que Bolsonaro quer afastar diretor da PF por investigação a Flávio

Moro pede demissão, mas Bolsonaro tenta reverter, diz jornal

'Não sou coveiro, tá?', diz Bolsonaro ao responder sobre mortos por coronavírus

Presença de Bolsonaro em aglomeração causa primeira 'saia-justa' no novo ministro da Saúde

Bolsonaro demite presidente do CNPq, órgão de fomento à pesquisa

Mandetta deixa Ministério da Saúde sob aplausos

Em meio à crise do coronavírus, Mandetta anuncia em rede social que foi demitido por Bolsonaro

Mandetta não aceita demissão de secretário: 'Vamos trabalhar juntos até sairmos juntos'

Troca no Ministério da Saúde 'deve ser hoje, mais tardar amanhã', diz Mandetta

Considerado braço direito de Mandetta, secretário pede demissão

Mandetta já avisou à equipe que vai ser exonerado, diz jornal

Bolsonaro começa avaliar nomes para substituir ministro da Saúde

Bolsonaro quer forçar Mandetta a pedir demissão após ministro perder apoio entre militares

Brasileiro não sabe se escuta ministro ou presidente, diz Mandetta

Mandetta diz que permanecerá em ministério e volta a defender isolamento: “Vamos continuar”

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br