Galeria de fotos

Não perca!!

Nacional

A paralisação de” advertência” seria uma etapa no sentido de uma greve por “tempo indeterminado”.
A paralisação de” advertência” seria uma etapa no sentido de uma greve por “tempo indeterminado”.

Após sete dias de mobilização nacional dos caminhoneiros, os petroleiros anunciaram que vão parar as atividades na próxima quarta-feira (30). O ato foi chamado de “greve de advertência” e irá, inicialmente, durar 72 horas, de acordo com nota emitida pela Federação Única dos Petroleiros (FUC) neste sábado (26).

A classe reivindica redução no preço dos botijões de gás de cozinha e combustíveis, além de pedir a saída imediata do atual presidente da Petrobrás, Pedro Parente. O sindicato afirmou que, com o “aval” do presidente Michel Temer (MDB), Parente “mergulhou” o país em uma “crise sem precedentes”.

A FUP repudiou a convocação das forças amadas para ocupar as refinarias a qual chamou de “grave ataque ao Estado Democrático de Direito”. A paralisação de” advertência” seria uma etapa no sentido de uma greve por “tempo indeterminado”.

De acordo com a nota, neste domingo (27) os petroleiros vão “atrasar” as atividades em quatro refinarias e fábricas de fertilizantes: Rlam (BA), Abreu e Lima (PE), Repar (PR), Refap (RS), Araucária Nitrogenados (PR) e Fafen Bahia.

 

 

Enquete

Qual seu candidato para presidente 2018?
 
Banner

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br