Galeria de Fotos

Não perca!!

Antonio Franco Nogueira
Em: 19/02/24 - 16:40 Fonte: Antonio Franco Nogueira Editoria: Antonio Franco Nogueira

Antonio Franco Nogueira "Tô feliz da vida! Será?! (ll?)"

'(...)Há um caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele são os caminhos da morte'. (Provérbios 14:12)

(E aí, como está de pós Carnaval?)

[Mas, apesar da coincidência da época, prometo que não será sobre Baby e Ivete, nem sobre o pessoal confinado no Big Brother Brasil que, sem saber de nada de Apocalipse nem Arrebatamento que rolou cá fora no Carnaval, “coincidentemente” também falaram de Apocalipse e de Arrebatamento, as mesmas duas e exatas palavras que gerou o barulho, não sem propósito, e ainda está gerando no mundo devido ao alcance e o surpreendente que foi para muita gente o ocorrido. Fique em paz. Até por que, esse texto não foi escrito agora; ele é de anos atrás, e estou te trazendo aqui, com alguns acréscimos, por que vale a pena ler de novo]

Leia mais...
 
Em: 09/02/24 - 19:50 Fonte: Antônio Franco Nogueira Editoria: Antonio Franco Nogueira

Antônio Franco Nogueira: Jesus e as curavas que faz para falar conosco...!

‘(...)Eu de muito boa vontade gastarei, e me deixarei gastar pelas vossas almas, ainda que, amando-vos cada vez mais, seja menos amado’. (2 Coríntios 12:15). Ilustração Google

Ei, vem comigo que hoje eu vou alegrar o teu viver pondo em pista reta e em caminho mais curto as curvas e os arrodeio que Jesus gosta de fazer para nos dizer as coisas e que, sabe Deus porque, não pouca gente tem derrapado nelas. Então, eu já estou velho, mas os velhos de quando eu ainda não era velho era que tinha um vocabulário legal quando queria falar arrodeando, ou com o uso do que hoje se chama de eufemismos e que era bem divertido quando o negócio ficava “estirado” no nosso entendimento; mas o que eu quero dizer fazendo esse arrodeio, é que eu me divirto à beça com nosso Salvador quando percebo a profundidade do significado de coisas para nós tão importantes, que Ele nos reporta nunca sendo direto mas sempre falando de porta-travessa, aqui fazendo uso dum, dos termos  usuais do vocabulário popular dos antigos, como outros “modelos” também usados por Jesus, que se seguirão, a exemplo do que está escondido no que aparentemente, mais uma vez, aparentemente, reporta a foto aí acima (até te sugiro ler a mensagem tendo sempre na mente a imagem da foto), e que muito acredito que mexerão contigo e te farão refletir de monte se você levar em consideração e admitir que, no quesito entendimento da leitura bíblica o que não falta é gente que lê e depois se diz: não entendi nada. E por isso não lê mais, e nem presta atenção na Natureza à sua volta, o que lhe daria uma grandiosa noção do tanto que se tem perdido da graça de viver, por andar, quem tem andado, com a cara pra cima enquanto a vida avança.

Leia mais...
 
Em: 26/12/23 - 00:13 Fonte: Antônio Franco Nogueira Editoria: Antonio Franco Nogueira

Antônio Franco Nogueira, “O ocaso do entusiasmo”

'(...)Porque quem não é contra nós, é por nós.  Porquanto, qualquer que vos der a beber um copo de água em meu nome, porque sois discípulos de Cristo, em verdade vos digo que não perderá o seu galardão'. (Marcos 9:40,41). Ilustração: Google

Eu não falo, leio ou escrevo hebraico, logo não me cobre detalhes, mas se o assunto mexer contigo é seu dever pesquisar sobre o que te direi na abertura dessa mensagem, para conferir se isso é mesmo assim, sobre que se escrito em hebraico as palavras Cérebro, Coração e Fígado, e pegarmos as iniciais dessas palavras escritas no idioma hebraico - que é a Língua da nação de Israel, logo o língua idealizada pelo próprio Criador para através dos significados de sua escrita, que é permeada  por enigmas infinitos, revelar do Seu plano de salvação e orientar à quem por esse Plano se interesse, e colocarmos em ordem crescente ou decrescente, duas outras palavras, de três letras cada uma, surgirão, que é, na ordem decrescente, Rei (aquele que detém o poder absoluto ou grande parcela de poder), e na ordem crescente, Nada (coisa nenhuma). Daí, como o fígado fica embaixo do coração, e o coração fica embaixo do cérebro, logo o cérebro deve aparecer, e ser, na vida duma pessoa, como senhor tanto do fígado quanto do coração; assim, a mensagem por detrás desse segredo que O Pai nos traz, é que, numa tomada de decisão, o indivíduo que age com o fígado, que é aquele que, no calor da emoção, faz as coisas sem pensar e, via de regra, depois se arrepende, torna-se em um Nada, bem diferente da pessoa que antes de abrir a boca, mexer os pés ou levantar a mão, põe a cabeça para pensar, fazendo-se como um Rei. E rei de que, senão antes de tudo rei, senhor, das próprias emoções? Pois é. Como dizem os crentes, forte isso! Então, por encantado que sou com o nível da Sabedoria de Deus, até,  te conclamando a que estude sobre a cultura judaica, do casamento ao idioma, para que você experimente um pouco mais, ou muito mais, do que eu tenho experimentado e apenas dei uma pincelada aí acima, inclusive te peço que não deixe que o teu fígado tome o lugar do teu cérebro quanto à você investir um tempinho na leitura do que se seguirá, mas que você haja como um rei, senhor, ou rainha, senhora, de si, e venha.

Leia mais...
 
Em: 22/11/23 - 00:50 Fonte: Antônio Franco Nogueira Editoria: Antonio Franco Nogueira

Antônio Franco Nogueira, “Não, não é de Deus a culpa – nem dos piolhos!”

‘(...)Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar’. (Isaías 55:7). Ilustração Google

Levando em conta que Ele jamais falou diretamente, mas sempre usando de metáforas, e é por isso mesmo que de contínuo nos chama a meditar e a estarmos vigilantes ao Seu falar enigmático, porém sem jamais deixar de fazer os indivíduos darem deixa das intenções de seus corações, seja para bem ou para mal, os levando à tropeçarem quando estão na mentira, eu não sei o que será ainda preciso Deus fazer, para que as pessoas de bem O escutem e com isso evitem que o mal, que não para de bater à nossa porta, aqui metaforicamente falando da nossa mente, entre pelas mentes más do nosso redor e bagunce a nossa casa. É natural, pela morbidez que há em alguns não poucos, e a inclinação da curiosidade humana pelo violento, que a morte da cantora evangélica Sara Mariano, pelo que aponta a polícia, morta a mando do próprio marido, que se diz pastor, e executada, pelo que se sabe até aqui, por outros supostos “homens de Deus”, que não sejam poucos os que não estejam resistindo ao saber “das novidades” do caso. Mas, e quanto ao que de mais importante do sobrenatural que o episódio grita sobre o Mal nos rodeando às escondidas, pelo que dele não podemos avistar a olho nu, mas que a Coisa é tão real quanto você existe, isso com vistas à nos abrir os olhos quanto à da mão de quem comemos, mas principalmente para que não, revoltados por ter vindo por onde veio essa barbárie, nos afastemos d’Ele, mas de Deus busquemos nos aproximar sempre mais e mais, que vai muito além do querer saber quem, o que, quando, onde e por quê o fato aconteceu, tem te despertando interesse? E o que, aliás - da curiosidade de saber detalhes do crime, e apenas se interessar somente pelos detalhes, sem prejuízo ao fato de que o jornalismo tem que fazer o seu trabalho e por isso também reportamos os fatos, não nos agregará nada a além de revolta e mal-estar? Se te interessa saber, deixando você de fazer qualquer avaliação pela lógica humana das coisas, para você não errar, eu te convido a seguir com essa leitura, que tempo eu sei que você não vai perder.

Leia mais...
 
Em: 29/10/23 - 01:56 Fonte: Antônio Franco Nogueira Editoria: Antonio Franco Nogueira

Antônio Franco Nogueira, “Que teria Jesus a ver, com uma escada e uma bicicleta?”

'(...)² Então o Senhor me respondeu, e disse: Escreve a visão e torna-a bem legível sobre tábuas, para que a possa ler quem passa correndo'. (Habacuque 2:2)

Para a psicanálise os sonhos constituem "uma realização (disfarçada) de um desejo (reprimido)", e possui um conteúdo manifesto, que é a experiência consciente durante o sono, e ainda um conteúdo latente, considerado inconsciente, que é composto por 3 elementos: as impressões sensoriais noturnas (por exemplo, a sensação de sede durante o sono), os restos diurnos (registros dos acontecimentos da véspera) e as pulsões relacionadas a fantasias de natureza sexual ou agressiva. Okey, vá lá que seja. Mas eu te asseguro que não é só isso: há muito mais de significados nos sonhos com viés numa orientação divina que possa te dizer a psicanálise, a psiquê ou não sei mais o quê, se considerado que o livro mais vendido do mundo, que você conhece como Bíblia, que a milênios e milênios de anos vem norteando a vida de bilhões e bilhões de pessoas, foi escrito, de Gênesis à Apocalipse, baseado em sonhos e visões que a psiquê e seja lá mais o quê, seria capaz de te explicar.

Leia mais...
 
Em: 25/09/23 - 00:50 Fonte: Antônio Franco Nogueira Editoria: Antonio Franco Nogueira

Antônio Franco Nogueira, “O púlpito rachado”

‘(...)Porque, falando coisas mui arrogantes de vaidades, engodam com as concupiscências da carne, e com dissoluções, aqueles que se estavam afastando dos que andam em erro, Prometendo-lhes liberdade, sendo eles mesmos servos da corrupção. Porque de quem alguém é vencido, do tal faz-se também servo. (2 Pedro 2:18-19)

Para abrir os teus olhos, sendo você crente ou não, e se ainda não for melhor ainda você ficar bem atento/a, quando vier, e espero que você venha, pro lado de cá, eu não sei se começo esse texto falando da minha alegria quando de Deus recebo uma revelação, te contando algumas das mais recentes que Ele me trouxe e que muito deve te interessar, ou se te contando sobre um papo que bati na noite da última quinta-feira (22/09/23), com um servo de Deus que tenho como modelo de crente, e o desapontamento que tive com esse irmão, mas que, certamente, só aconteceu como aconteceu, digo o desapontamento, para que você abra bem seus olhos quanto à distrações quando o assunto é se ter conhecimento dos mistérios que O Criador quer nos revelar para que saiamos da cegueira e fiquemos bem espertos quanto aos enganadores – seja os enganadores pontuais, ou os funcionais, mas principalmente para com os enganadores propositais, que sabem muito bem o que estão fazendo. Contudo, para que a gente comece pelo começo, já que o termo Engano entrou na conversa, veja essa situação para lá de pertinente, conforme a interpretação que Deus me dá: “Irmão Franco, é o pastor fulano (detalhe: até um tempo atrás, ele se autodenominava apóstolo fulano). Olha, eu tive um sonho onde eu via uma mulher morta sendo velada, ela bem forte, só que o corpo estava deitado no chão da varanda duma casa; eu não via marca de tiro nem nada, e ao lado dela, também deitada, outra mulher, parenta dela, chorava muito, daí eu dizia que Deus pode ressuscitá-la; e quando eu dizia isso, a morta acordava se tremendo e começava a vomitar uma água preta. Daí, ao mesmo tempo, o defunto já era um homem, que também ressuscitava, e era uma pessoa bem conceituada na sociedade; só que nessa hora ele já aparecia na rua rodeado de pessoas, devido à importância dele e o ocorrido”, me disse ele, por áudio. – Primeiro, deixa eu louvar a Deus, por você ter deixado a vaidade, e voltado à pastor, disse a ele, me referindo ao auto título de apóstolo que usava antes; daí completei: trata-se de uma figura de Igreja os três personagens do sonho; tanto a mulher morta, quanto a mulher que chorava, assim como o homem importante que também estava morto e ressuscitou: ele representando o altar que tem projetado sua estima mais no mundo (a sociedade), por isso você via o quão conceituado ele era ‘lá fora’, e não dentro da casa onde ele estava morto e foi ressuscitado; a morta representando a porção da Igreja que tem sido alimentada com água impura, água suja, ou mensagem adulterada, e não com a Água da Vida – por isso a cor da agua que ela vomitava quando ressuscitou; e a mulher, parenta dela, que, também deitada no chão chorava a morte da parenta, representa a porção da Igreja que, apesar de caída, por isso ela no chão, o que não é comum nos casos em que alguém vela seus mortos, ainda vive e se condói com a situação espiritual da porção do Corpo do qual faz parte - por isso o parentesco entre as duas, em que uma parte está perecendo pelo alimento com que tem sido alimentada, ainda que com aparecia de sadia, por isso você era levado a observar a robustez da defunta, de novo, morta no sentido espiritual da palavra, por isso você era também levado a observar que não havia qualquer marca de tiro, ou seja, sem nenhuma violência aparente, visto que o mal feito está no interior, por isso o vômito. E, onde couber, não há amparo completo, ou o devido amparo, à Igreja nos templos, por isso elas estavam na varanda, logo, nem fora nem dentro – numa varanda, exposta ao tempo, tanto pode molhar quanto esfriar o corpo que ainda tem vida. Pegou? Então lhe pedi que orasse perguntando a Deus, porque Ele lhe deu esse sonho. Mas nenhum “amém” recebi até o momento, já quase uma semana depois.

Leia mais...
 


Página 1 de 18

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br