Galeria de fotos

Não perca!!

Cidade

 Juliana é acusada de improbidade administrativa, pelo Ministério Público
Juliana é acusada de improbidade administrativa, pelo Ministério Público

A secretária de Desenvolvimento Urbano de Camaçari, Juliana Franca Paes, vai recorrer da decisão do juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública de Camaçari, Cezar Augusto Borges de Andrade, que determinou afastamento da gestora do cargo. De acordo com o magistrado, “há indícios” de que a secretária e um grupo “promoveram cobranças indevidas de valores de grande monta para resolução de requerimentos administrativos junto ao órgão público”.

Em nota, o advogado da secretária, Eduardo Porto, citou despacho recente do juiz da Vara Criminal de Camaçari, Ricardo Dias Medeiros Netto, que diante da mesma acusação, no âmbito criminal, considerou a denúncia destituída de provas. “A decisão que rejeitou a acusação foi precisa e técnica. Constatou que os declarantes - únicos ouvidos na investigação - tiveram interesses políticos e financeiros frustrados. Mesmo assim, de forma inusitada, foi dada total credibilidade a versões fantasiosas e sem qualquer verossimilhança com a realidade fática. O juiz Ricardo Medeiros Netto reconheceu a ausência de qualquer prova idônea que pudesse respaldar a teratológica acusação”.

Ainda no comunicado, a defesa de Juliana afirmou que “trata-se de uma grande armação dos declarantes, de uma verdadeira farsa”.

Veja também:

Secretária de Desenvolvimento Urbano é afastada após decisão judicial

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br