Galeria de fotos

Não perca!!

Cidade

 Juliana é acusada de improbidade administrativa, pelo Ministério Público
Juliana é acusada de improbidade administrativa, pelo Ministério Público

A secretária de Desenvolvimento Urbano de Camaçari, Juliana Franca Paes, foi afastada do cargo após decisão do juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública de Camaçari, Cezar Augusto Borges de Andrade. Juliana é acusada de improbidade administrativa, pelo Ministério Público.

Na decisão o juiz destaca que “considerando as razões expostas, conclui que na espécie relatada nos autos, encontram-se presentes os requisitos da lei para o deferimento parcial das medidas liminares requeridas pelo Promotor de Justiça encarregado nos autos, determinando, desta forma, o afastamento imediato de qualquer função ou cargo público exercido pela primeira requerida nos autos JULIANA FRANCA PAES, na administração pública municipal”.

Segundo o promotor de Justiça Everardo Yunes, autor da denúncia, a secretária e o marido Aridã  de Souza Carneiro chefiavam uma quadrilha que exigia propinas de empresas e investidores interessados na aprovação de empreendimentos imobiliários de médio e alto luxo no município.

Outras seis pessoas que participavam do esquema criminoso comandado pela secretária e pelo marido, dentre elas quatro servidores públicos, foram denunciados e também responderão a uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa.

Além de praticar atos ímprobos, eles utilizavam-se, indevidamente, dos nomes de pessoas detentoras de cargos eletivos para obter com maior facilidade as vantagens econômicas ilegais, afirma o promotor.

Veja também:

Secretária de Camaçari vai recorrer da decisão que a afasta do cargo

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br