Galeria de fotos

Não perca!!

Cidade

Raimundo Blumetti
Raimundo Blumetti

"Não obstante as provas trazidas pelo TCM, foi necessário compulsar a argumentativa demonstrada pela Defesa. Ocorre que, ao analisar todos as informações e comprovações que instruíram o inquérito civil, restou demonstrado, inequivocadamente, o cometimento dos ilícitos ora apresentados. Isso porque, como não bastasse as originárias ausências das comprovações daquelas despesas, o Acionado, também, mesmo advertido formalmente por aquele Tribunal de Contas, deixou de corrigi-las, comprovando-as, quando lhe era possível e devido. Registra-se, ainda, que o TCM, mês a mês naquele ano de 2004, notificou o ex-Alcaide Legislativo para que justificasse e retificasse os processos de pagamentos, contudo, desdenhou, permanecendo-se silente", salienta um dos trechos da petição.

Sabe o que é isso que você acabou de ler? É a justiça dizendo, a quem desdenha da lei, dessa vez à pessoa do ex-presidente da Câmara de Vereadores de Camaçari, Raimundo Blumetti, que os tempos são outros.

A cada dia que passa o promotor de justiça, Everardo Yunes, que em outubro passado assumiu a 7ª Promotoria de Combate à Improbidade Administrativa e aos Crimes contra a Administração Pública em Camaçari, mostra que quando disse que ia "desengavetar" tudo que houvesse "nas gavetas" da promotoria, não estava de brincadeira.

E na noite dessa sexta-feira, 01, o site Camaçari Alerta publicou o mais novo elemento que mostra mesmo que o promotor Yunes está fazendo muita gente que, acostumado com a impunidade dormia em berço esplendido, a "botar as barbas de molho", como o Camaçari Fatos e Fotos (CFF), vem advertindo depois do promotor Yunes à frente da Promotoria.

"De acordo com os autos assinados pelo Promotor Everardo Yunes, o então presidente, durante o exercício do mandato em 2004, ordenou pagamentos a empresas particulares sem comprovação documental das despesas correspondentes, as quais importaram um prejuízo ao erário de R$ 770.812,40 (setecentos e setenta mil oitocentos e doze e quarenta centavos)", diz o Camaçari Alerta sua publicação.

 

Veja também:

 
Banner

Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br