Galeria de fotos

Não perca!!

Bahia

Denilson Santana de Jesus, 15 anos (Foto: Reprodução | TV Bahia)
Denilson Santana de Jesus, 15 anos (Foto: Reprodução | TV Bahia)

Segundo a família, Denilson Santana de Jesus não tinha envolvimento com crimes e foi morto com nove tiros

Familiares de um adolescente de 15 anos que foi baleado na tarde de quarta (28), na região de São Marcos, em Salvador, acusam policiais militares de matar o jovem. As informações são do G1.

Parentes da vítima, identificada como Denilson Santana de Jesus, afirmam que o caso gerou revolta na comunidade e motivou os ataques a coletivos na Via Regional, na noite de quarta e na manhã de ontem (29), cometidos por moradores da localidade.

De acordo com Roberta Santos Santana, mãe de Denilson, a vítima jogava bola quando os policiais chegaram atirando. “Meu filho jogando bola, eles já vieram gritando: ‘Para que você vai morrer. Não adianta correr, que você vai morrer”, conta a mulher, que afirma não ter muita esperança que o caso seja resolvido.

Familiares e testemunhas relataram que Denilson não correu quando a polícia chegou, atitude aconselhada frequentemente pela família. "Os meninos estavam jogando bola lá, já tinham terminado de jogar, tinham quatro [adolescentes]. Os outros três correram na hora que eles desceram atirando, e ele não correu porque a gente sempre disse a ele que, quando tivesse uma abordagem, pra ele permanecer no lugar e encostar em um canto. E foi o que ele fez. Ele não correu, como um morador viu, e disse que o menino não teve chance nenhuma de defesa. Que eles [policiais] já desceram gritando: ‘Você vai morrer’”, contou a madrinha de Denilson, que não teve o nome revelado.

A mãe de Denilson ainda contou que o corpo do jovem demorou quase 10 horas para ser retirado do local. Segundo Roberta, a equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) só chegou por volta de 1h da manhã de ontem. Ela diz não entender o motivo de o filho ter sido morto e alega que ele não tinha envolvimento com o crime. “Nove tiros dispararam em meu filho. Nove tiros! O menino não correu. Era um menino tão franzino, magrinho”, lamentou.

Sobre o caso, a Polícia Militar informou que não houve ação policial na hora e local em que Denilson foi morto. Segundo a PM, na tarde de quarta, por volta das 16h30, policiais foram acionados com a informação de uma vítima de disparos de arma de fogo, na Rua Jurema Santos, no Bosque Real, bairro de São Marcos. No local, a guarnição confirmou o fato, isolou a área e acionou o Serviço de Investigação Local de Crimes, para proceder com a perícia e com a remoção do corpo.

A Polícia Civil informou que a 2ª Delegacia de Homicídios investiga a morte do adolescente, e que a autoria e motivação estão sendo apuradas. Sobre a demora para a retirada do corpo do local do crime, o DPT informou que a solicitação para remoção só chegou às 23h03.

Veja também:

'Quero que eles paguem', diz mãe de jovem morto em São Marcos sobre PMs

Terror em Salvador - Bandidos ameaçam incendiar ônibus e passageiros pulam pelas janelas; assista

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br