Galeria de fotos

Não perca!!

Bahia

Comerciantes perderam mercadorias e casas foram destelhadas após vendaval
Comerciantes perderam mercadorias e casas foram destelhadas após vendaval

"Rapaz, isso aqui é o que aconteceu depois de um furacão aqui na Boca do Rio. (...) Primeira vez na história, furacão aqui no final de linha da Boca do Rio. Derrubou tudo!" O relato impressionado de um cinegrafista amador é apenas um dos registros publicados na internet sobre um vendaval que destruiu barracas e destelhou ao menos sete imóveis na Rua da Tranquilidade e no final de linha da Boca do Rio, em Salvador, na tarde desta quarta-feira (30).

Como consequência da ventania, a prefeitura teve de fazer demolições parciais no local, para evitar acidentes.

Uma das gravações mostra quando o vento atinge as barracas, e sombreiros chegam a voar longe. “Deus é mais! (…) Tô com medo”, diz uma testemunha. “Tá brincando com as coisas de Deus?”, comenta outro que se assusta com a rajada de vento que fez comerciantes perderem mercadorias.

"Veio um redemoinho, maloca, levou tudo aí, ó. Moto pra cima de mototáxi, pagou farmácia, pagou tudo, meu irmão. Acabou com o fim de linha todo", relata outro cinegrafista, pós ventania.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão para a tarde e noite desta quarta (30) era de tempo nublado a parcialmente nublado, com pancadas de chuva, e ventos de fraco a moderados - uma rajada de quase 40km/h foi registrada. A temperatura registra mínima na cidade é de 22ºC e a máxima de 28ºC.

Demolições
Em função dos estragos, a Defesa Civil de Salvador (Codesal), em conjunto com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), realizou a demolição parcial de estruturas de alvenaria que ficaram em risco de desabamento.

Foram demolidas quatro estruturas de imóveis, localizados na Rua da Tranquilidade, que apresentaram risco, de acordo com a avaliação de cinco engenheiros da Codesal. A Sedur também enviou uma equipe com oito profissionais, entre engenheiros e agentes para dar suporte ao trabalho da Defesa Civil.

Oito residências no mesmo local, além de um shopping, situado no final de linha, também foram afetados. Nestes casos, os proprietários assumiram a responsabilidade pela demolição posterior das estruturas, com brevidade.

Balanço
Durante todo o dia, a Codesal registrou 49 ocorrências. Deste total foram 22 ameaças de desabamento, cinco ameaças de deslizamentos, três deslizamentos de terra, quatro orientações técnicas, uma árvore ameaçando cair, três avaliações de imóveis alagados, dois desabamentos parciais, três destelhamentos, três alagamentos de imóveis e três infiltrações. Não houve registro de cidadãos feridos. O órgão está atuando em plantão 24 horas no número 199.

Vídeo 01

Vídeo 02

Veja também:

Ventania arranca telhas de casas na Santa Cruz

Vendaval provoca três mortes no interior de São Paulo

Vendaval causa destruição na Caxemira

Ciclone Thane causa 36 mortes no sul da Índia

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br