Galeria de fotos

Não perca!!

Antonio Franco Nogueira

'Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus. Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra'; Colossenses 3:1,2
'Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus. Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra'; Colossenses 3:1,2

(...)Então o Senhor me respondeu, e disse: Escreve a visão e torna-a bem legível sobre tábuas, para que a possa ler quem passa correndo. Habacuque 2:2.

Levado por sua natureza carnal, seja você crente em Cristo ou ainda não, mas principalmente se você é um pregador, semear a recusa à ler, com atenção, o que está disposto nesse texto, já que sua pessoa chegou até aqui, é um direito seu, mas quanto às consequências pela manutenção de sua ignorância sobre o que será dito aqui já não lhe pertencerá mais decidir, pois um dia, seja você quem for, se verá obrigado/a à colher os frutos da sua decisão.

(...)Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará.

Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna.
Gálatas 6:7,8.

Desde os tempos bíblicos que Jesus manda que as visitações que Ele faz a seu povo e que Ele quer que seja de conhecimento de Suas almas, seja escrito. E comigo não tem sido diferente. E para você é melhor crer do que duvidar disso. Isto posto, sigamos.

“Irmão Franco, tive um sonho muito estranho. Sonhei que eu chegava na igreja e, de repente eu via um monte de fios de eletricidade em um dos lados do templo, num dos lados das cadeiras, pegando fogo; depois esse fogo subia pro transformador (caixa de distribuição interna) e o fogo explodia ainda mais, e depois ia para o lado dos tocadores, onde ficam os instrumentos, e o incêndio aumentava mais do que o fogo do chão. E quando eu tentava correr meu pé ficava preso não sei em que, aí eu clamava a Deus e assim consegui sair. Aí eu acordei”.

- Fogo artificial. O que Deus lhe mostrou é que em parte da igreja (dos membros); no altar, e no louvor, o fogo não está sendo do Espírito d’Ele, mas um fogo artificial, humano, respondi. Posto que no que ela ia me falando por um ouvido Jesus ia me dando pelo outro o significado do enigma.

O que há mais revelado nessa visitação, que, aliás, foram três em sequência em poucos meses, de um ano pra cá, que o Espírito Santo fez à essa irmã, que me autorizou dizer que se chama Adriana Teixeira Araújo, tem 35 anos, e faz parte da membresia duma igreja tradicional e centenária, muito conhecida, além de que o engano tem tentado envolver até quem tem negócio com o Céu, que está apontado no pé dela preso e somente solto depois de ela clamar a Deus, é a advertência para uma urgente reflexão sobre o que está sendo feito sobre os altares, uma vez que o fogo ao sair do chão não se apagou - que tivesse sido apagado por alguém, no caminho antes de chegar ao padrão de distribuição, mas uma vez lá aumentou de volume, inclusive explodindo o quadro distribuidor de energia e em seguida atingindo os músicos e instrumentos. Conforme aqui pontuado:

01 – O que diz do fogo ter aumentado quando atingiu o padrão (altar) o que no natural seria comum mas no espiritual jamais poderia acontecer, é que a falsidade (o fogo artificial) dos que tem fingido uma fé verdadeira está ALIMENTANDO àqueles que deveriam repreender tal situação mas que, tomados pelo destemor, oportunistas da cegueira, ou inercia, do povo, ao invés disto tem se aproveitado das circunstâncias. Não há como negar isso na revelação.

02 – O fogo ter saído do chão do templo, ido para o padrão e do padrão para os músicos, e lá tomado força, no que diz de o fogo no louvor também não estar sendo verdadeiro, aponta que o altar é o responsável por isso, o que vai na direção de os músicos e levitas não estarem sendo selecionados como tem que ser. Ou seja, “sabe tocar, sabe cantar, sobe aqui”. Ou, “tocou e cantou de verdade até aqui mas depois dali bagunçou a vida, continua aí”. É isto que Jesus está dizendo que está vendo lá de cima.

Pausa

(...)Esconder-se-ia alguém em esconderijos, de modo que eu não o veja? diz o Senhor. Porventura não encho eu os céus e a terra? diz o Senhor. Jeremias 23:24.

- Irmã, procure seu pastor e peça uma oportunidade para contar sobre essa visitação que Jesus te fez sobre o estado da igreja que o caso é sério. Se ele te pedir para lhe dizer do que se trata e, sabendo ele do que Deus está falando te pedir para não levar isso ao povo, ore por ele, disse depois de lhe entregar a revelação. Mas ela não o procurou, conforme me disse depois.

(...)Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça (2 a Timóteo 3; 16), defendem os que, sem atentar para o contesto da passagem, questionam os sonhos e com isso o direito d'Ele sobre o que Deus tenha resolvido falar através deles e das visões, vias ainda tremendamente usadas por Ele para orientar o Seu povo, conforme você vai ter a graça de ver na sequência. Além de que, conforme pesquisa, “a leitura da Bíblia é irregular: a Igreja Católica inclui somente uma pequena parcela do Antigo Testamento nas leituras oficiais; os judeus estudam bastante os cinco primeiros livros da Bíblia, mas não se importam muito com o restante; os judeus ortodoxos normalmente passam mais tempo lendo o Talmude ou outra coisa que a Bíblia em si; muitos protestantes/ou evangélicos leem a Bíblia frequentemente, mas geralmente dão mais ênfase ao Novo Testamento”.

O que não sei é o que farão os contestadores do Criador, que certamente sabedor que é de que o povo não exploraria o conhecimento como deve explorar pelas Escrituras, e os que “exploram” não buscam n’Ele o entendimento correto do que quer dizer cada trecho, e escreveu o que escreveu no livro do profeta Joel (2; 28), a saber que (...)E há de ser que, depois derramarei o meu Espírito sobre toda a carne, e vossos filhos e vossas filhas profetizarão, os vossos velhos terão sonhos, os vossos jovens terão visões, quando a hora chegar, posto estar claro como a neve que perto do final o povo receberia sim mensagens pelos sonhos para nos advertir da hora do fim chegando.

Você se lembra que a aconselhei que procurasse o pastor para que a permitisse advertir a igreja a que tomasse posição, mas que ela não obedeceu. Pois bem, algum tempo depois ela voltou na minha casa, angustiada com outra visitação que havia recebido:

“Irmão Franco, sonhei que eu chegava na igreja e que uma pessoa que chegou e que no sonho eu sabia que não estava com a vida no altar (não vivendo uma vida crista verdadeira), foi convidada pelo irmão que dirigia o culto para uma oportunidade (passar uma mensagem para a igreja), e nessa hora ele ao passar por mim disse que se chamaram ele ia falar tudo o que Deus mandasse; então eu disse a ele que se fosse de Deus que dissesse mesmo”. Daí o que ele começou falando, no sonho eu sabia que era de Deus mesmo, mas de repente ele começou a falar heresias e a tirar a roupa em cima do altar, daí os irmãos começaram a sair da igreja, até o pastor saia; ele deitou nas cadeiras do altar, somente de sunga, fazendo pose de modelo, daí uma irmã que ainda estava lá me perguntou se eu ia ficar ali, e eu disse que ia ver até onde ele ia com aquilo, foi quando ele começou a tirar a sunga, então eu também saí e ele ficou lá sozinho. Aí eu acordei”.

- Covardia!!! Irmã, no seu sonho, no que mostra apostasia, que está em que o sujeito começou falando da parte do Senhor mas em seguida debandou para o lado das trevas, Deus está dizendo que, mesmo sabendo, mesmo vendo diante dos olhos, a Palavra d’Ele sendo prostituída, e o altar d’Ele sendo profanado, que o povo d’Ele não tem tomado atitude. E isto da portaria ao altar. Como fez os membros, o pastor jamais deveria sair do templo; Deus está dizendo que o povo, achando pouco a profanação que tem visto, está esperando para ver demais. Isso está prefigurado em que a senhora, se é de bradar quando ele desabotoou a camisa, não o fez nem quando ele deitou seminu sobre as cadeiras e esperou ele começar a tirar a sunga para se posicionar e ainda na direção contraria. Ademais disto, Jesus está dizendo que a covardia do Seu povo tem entregue o Seu altar à Satanás. Que é o que representa todos saírem e o apóstata ter ficado sozinho no templo. É isso que diz o seu sonho, disse lembrando a ela que o sonho dessa vez se deu por que ela, se por medo ou por prevaricação, não sei, não contou ao povo a visitação anterior.

Faz um tempo, na verdade desde que me rendi ao Chamado de Deus, em 11 de abril de 2015, que Ele tem vindo a mim e mostrado o quanto não está feliz nem um pouco com o estado em que se encontra a Sua Igreja. E sobre isso tem não somente me mandado escrever mas também me cobrado sobremaneira quando eu deixo de obedecê-Lo, sobretudo quando peço que Ele fale mais, mesmo eu estando cheio de mensagens para te passar ainda mantida comigo.

Num outro texto eu inclusive, se você é acostumado/a a ler essas publicações sabe, te contei sobre uma situação assim, onde no sonho daquela noite eu estava ao telefone celular, mas observando que, enquanto noto a minha voz ser transmitida normalmente, percebo que, como que por algum defeito, nada ouço ou chega ao receptor do aparelho.

O meu pensamento ao acordar era de que aquilo queria dizer que Ele havia se calado para comigo – como está acontecendo com não poucos dos de sobre os altares duma ponta à outra do globo terrestre. E me angustiei; mas me vi aliviado quando d’Ele recebi a revelação da mensagem logo depois:

- A ti Eu te tenho ouvido. A mim tú não quer me ouvir!

FORTE. Aquilo me soou muito forte. Foi quando me caiu a ficha de que Ele estava se referindo a que, mesmo com o tanto de mensagem que já me tinha sido dado para te entregar, aqui mesmo neste portal, que Ele bem sabe que vai bem mais longe que um sujeito sentado numa cadeira de rodas ou mesmo que esteja com toda a força das suas pernas seria capaz de falar nalgum microfone, eu continuava “na minha” e ainda me pondo a Lhe pedir mais. Bem pouco pra mim! Foi o que eu pensei comigo na época. Porém, será somente a mim que Ele está cobrando atitude?

Mas como você pode notar, Ele continua falando. E falando para o teu benefício, se você deixar de lado a soberba, se te cabe, e depois de ler o que Ele diz nesse texto correr para os joelhos e se humilhar, mas não somente Lhe perguntando acerca do que esse pobre servo que te escreve está te dizendo mas sobretudo pelo mal que você pode estar fazendo à Suas ovelhas e principalmente à sua própria alma. De novo, se te cabe.

A chamada para esse texto, “Um cemitério na igreja”, não tenho dúvidas, e compreendo perfeitamente, deve estar atormentando o seu juízo por via da curiosidade, mas é importante, para que você compreenda e não perca um único tris do que Deus quer falar com você, que vossa senhoria acompanhe o que se segue, especialmente você que prega ou que gosta de pregação de afago no ego sobre o manto da “misericórdia infinita e do preço que já foi pago” ainda que seja a sua uma alma que vive “chutando o balde” na ‘presença’ d’Ele e dos homens.

E o que eu quero dizer é sobre uma Mensagem que levei esses dias onde vi, salvo raríssimas exceções, uma igreja morta – quando digo igreja digo o povo - e quase que completamente ignorante das coisas de Deus. O ser ignorante é razoável dado que muitos não dominam bem a leitura, mas o desinteresse observado lá é imperdoável visto se tratar do destino das próprias alma. E olhe que o que eu sei não é muito, mas foi suficiente para conseguir identificar diante dos meus olhos um povo deveras por demais descompromissado com o conhecimento da coisa santa, notadamente pelo vício na pregação enganosa, como se as Escrituras não nos advertissem contra isto.

Pausa:

(...)Eles tratam da ferida do meu povo como se não fosse grave. ‘Shalom, paz. Haverá paz!’, é o que costumam dizer, quando, em verdade, não há paz alguma nem hoje nem amanhã.


Eles deveriam envergonhar-se da atitude abominável que demonstram todos os dias, mas sequer ficam ruborizados. Não, eles não se sentem nem um pouco envergonhados em praticar o mal. Por isso eles cairão entre os que caem; quando Eu os castigar, serão grandemente humilhados!”, Jeremias 6; 14,15.

Sigamos:

Eu nem sei dizer, com tanta sonolência espiritual, quantas daquelas almas entenderam o que foi dito na pregação. Como sempre sou levado a fazer, mandando que todos anotem, em papel e caneta que eu mesmo forneço em cada pregação que faço, as referências discorridas para que meditem em casa, o que na verdade é uma estratégia de Deus para que o povo que não é acostumado se acostume a ler as Escrituras, e quem é que leia ainda mais, dei uma passeada pela Bíblia em pontos chaves que, se bem observados, todos teriam tirado proveito sem medida da mensagem, mas o que se viu foi muito o contrário disso: de certo acostumados com 'afagos' que não dizem o quão grave é 'a ferida', a mensagem estava incomodando não somente a um ou dois.

(...)Portanto, qualquer que comer este pão, ou beber o cálice do Senhor indignamente, será culpado do corpo e do sangue do Senhor.

Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma deste pão e beba deste cálice. 1 Coríntios 11:27-29.

A falta de discernimento do Corpo e do Sangue de Jesus, pelo que tenho notado, ou melhor, a mim mostrado pelo próprio Espirito Santo, tem sido a principal causa de crentes tão fracos como não há quem possa esconder, hoje mundo a fora.

O que tenho visto, posso assegurar, é que, além da ignorância patente em não pouca gente sobre o Evangelho em cada vida, é justamente do equívoco sobre o que se tem aprendido e ensinado a respeito do comer o pão e beber do cálice indignamente e do examine-se o homem a si mesmo, a razão de tanta fraqueza e mornidão espiritual entre o povo de Deus; e mais ainda a consciência distante do significado sobre o que virá a ser o será culpado do corpo e do sangue do Senhor, sobre os que participam da Comunhão santa sem a menor noção do seu significado; que vem participando, em não poucos casos, para dar satisfação a quem não é preciso escrever posto ser notório para não pouca gente, dos que prestam e dos que cobram satisfação. Importando “engolir um pedacinho de pão e um copinho de suco de uva” mais por cumprimento dum rito protocolar do que duma celebração santa da envergadura que é. Ou seja, “assinar o ponto todo mês” mesmo cegos da seriedade do evento, com o discernimento do Corpo e do Sangue léguas distante dali. Onde se aplica o por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem (1 Coríntios 11:30), sem que um bom tanto de gente se dê conta de que é nisto que tem 'morado o problema'.

Abrindo um parêntese, já que falamos em ''discernimento do Corpo", a propósito, há pouco, somente para 'ilustrar', recebi um áudio duma irmã, de quase 80 anos e ainda ativa no serviço missionário, com quem Deus fala tremendamente, pelo que vejo nos sonhos e visões que ela tem me passado, desabafando sobre a indiferença da filha - que não perde um culto e tampouco as reuniões na igreja, e do genro, que, conforme diz, é pastor, leitor de livros cristãos, leitor diário das Escrituras, e assíduo das pregações da internet, teólogo experiente e pregador eloquente, ainda que more nos fundos de sua casa, numa casa que ela diz que ajudou a construir, depois de terem morado, os dois, 10 anos na casa dela, mesmo filha e genro vendo diariamente a necessidade da mãe/sogra/e irmã em Cristo, em ser ajudada. O genro praticamente não fala, e a filha ainda pior do que isso: conforme diz, nem um prato para a mãe, que mora sozinha nessa idade, ela lava. Mas deixa ‘keto’.

Leia isso, que foi dito lá e que diz muito sobre discernir o Corpo mas que não sei se é pregado mas que se pregado tiver sendo não deve estar sendo muito ou nada observado, doutra forma a situação espiritual da Igreja estaria sendo outra, e Jesus não estaria descendo no sonho de Seus servos, como fez com essa irmã, para dizer o que está dizendo:

(...)Porventura o cálice de bênção, que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos não é porventura a comunhão do corpo de Cristo?

Porque nós, sendo muitos, somos um só pão e um só corpo, porque todos participamos do mesmo pão.
1 Coríntios 10:16,17.

O que você vê aí acima além de que, ao contrário de contendas, uma comunhão verdadeira deve haver entre nós, que fomos lavados pelo Sangue d’Ele e com isso libertos dos pecados que nos levaria direitinho para o Inferno no dia do Juízo? O que você vê aí acima além da lembrança de que ao nos receber e tornar-nos um só corpo com Ele, Ele nos disse “vá e não peques mais”, e que não buscar discerni-Lo – enfim não entendendo o sacrifício e o padecimento também cabido à Igreja, a saber a mim e você, já que somos parte do Seu corpo, pode nos custar muito caro lá na frente? Ou você pensa que 11, dos 12, apóstolos foram martirizados somente por causa da perseguição da época aos cristãos e não para nos servir de exemplo cá adiante, criatura distraída.. .

Pausa:

(...)Porque a vós vos foi concedido, em relação a Cristo, não somente crer nele, como também padecer por ele. Filipenses 1:29.

Sigamos:

Como se sabe, sobre que (...)E, tendo dado graças, o partiu e disse: Tomai, comei; isto é o meu corpo que é partido por vós; fazei isto em memória de mim (1 Coríntios 11:24) - aliás, uma citação clássica na celebração da Ceia do Senhor igrejas a fora e a dento, porém em não poucas realmente sem o menor discernimento, não atoa já estive em culto de Ceia onde a pregação por todo o culto foi o dizimo e tão somente o dízimo, o que se vê aí acima, além de o apostolo Paulo, ali bem pertinho do capitulo clássico e por muitos muito mau trabalhado sobre o assunto, que poucos enxergam, se Ele padeceu por nós, e Ele é o pão que por nós foi PARTIDO (e caladinho na cruz), e que TODOS participamos do mesmo pão, nos dizendo outra coisa que não que em comunhão devemos também padecer, e também caladinhos, até que Ele “venha”, bem ao contrário das pregações de promessas do que Ele não prometeu? Percebe?!

Aliás, falando em fazer o que Ele não mandou, ou do desmazelo com que a coisa santa tem sido tratada, o que dizer daqueles que, sem o menor respeito ou reverência, correm na padaria da primeira esquina e apanham um pão que, além do fermento – e não venha me dizer que trata-se apenas de um simbolismo, como já houve quem me dissesse - nem se sabe se feito por uma mão assassina, ou uma mão prostituta; uma mão que tem no pecado sua 'profissão', e leva para a Mesa dizendo ser aquela abominação simboliza “o corpo” imaculado do Senhor, se temos Êxodo 12; 14 a 17 entre outras dezenas de citações nos orientando acerca desse negócio, e ainda Jesus dizendo que nem um jota ou til passará da ‘lei’ sem que ela seja cumprida? – E aqui vejo aplicado o que há profetizado e também ordenado!

Antes que alguma mente “inteligente” da exegese tente se manifestar sobre que “isso ficou no passado”, e que é “coisa da velha aliança”, que é "apenas" sombra, como se essa sombra fosse a sua sombra sob o sol, que logo desaparece, como alguns pensam, e que ‘estamos na nova’, e “etcétera e tal”, mesmo que em Levítico 11 trate-se de outro estremo, ainda oculto a muitos olhos, e que não digo que comer a dita carne seja ‘pecado’, como não digo, e ainda deixando claro que sei bem o que está em Marcos 7; 15, mas advertindo que não há acaso nisso, antes me responda por que tua ‘pereba’ ESTOURA quando você come carne de porco e por que a mulher menstruada quando come o peixe arraia vaza de dentro dela um rio de sangue...

É sombra sim, mas sombra do passado apontando para o futuro. Da velha para a Nova Aliança e da Nova Aliança para a Eternidade, e nada menos do que isto. E, mesmo que deposto em Cristo, há muito mais mistério embutido no que concerne às figuras em Levítico 11, que se possa imaginar. Guarde isso tendo em mente o altíssimo padrão de exigência e santidade de Deus. Guarde, que é para o seu bem.

Sobre ‘o cemitério’...

A irmã Adriana foi visitada uma terceira vez pelo Espirito Santo no seu sono, onde Jesus lhe mostrou a situação do altar e de alguns pregadores. Aliás, havia ali sepultado na sua maioria pregadores. Mas antes de arrematar com essa revelação, eu preciso deixar uma pergunta, que aliás fiz na pregação mas que os irmãos sequer sabiam da existência dessa passagem (pelo menos dos de lá não houve quem respondesse) para os que pregam que Jesus já morreu na cruz e que pode 'bagunçar' à vontade dentro do Evangelho, que ‘tudo já foi resolvido’.

E muita atenção aqui, que se entendido o que você está para saber, se não já sabe, ainda mais tendo em mente que Jesus Cristo disse que d'Ele testificam toda as Escrituras, ou seja, que tudo o que se escreveu desde o princípio aponta para Ele, essa próxima não deverá ser uma das suas melhores noites, se você é da turma da Graça como se fosse 'graça' e vive a dar 'bicuda na lata':

Na primeira passagem aí a baixo, se vê o Senhor convidando, entre outros, dois homens - e gurde bem os nomes, Nadabe e Abiú, para subir com Moisés e Arão até Ele, ainda que tenham ficado distantes:

(...)Depois disse a Moisés: Sobe ao SENHOR, tu e Arão, Nadabe e Abiú, e setenta dos anciãos de Israel; e adorai de longe. Êxodo 24; 1.

(...)E subiram Moisés e Arão, Nadabe e Abiú, e setenta dos anciãos de Israel.

E viram o Deus de Israel, e debaixo de seus pés havia como que uma pavimentação de pedra de safira, que se parecia com o céu na sua claridade.

Porém não estendeu a sua mão sobre os escolhidos dos filhos de Israel, mas viram a Deus, e comeram e beberam.
Êxodo 24:9-11.

Logo adiante, dois capítulos a frente, vê-se o Deus criador, que a tudo sabe, pessoalmente escolhendo NOMINALMENMTE, os dois, Nadabe e Abiú, que eram filhos de Arão e sobrinhos de Moisés, para Seus sacerdotes. Vá acompanhando:

(...)Depois tu farás chegar a ti teu irmão Arão, e seus filhos com ele, do meio dos filhos de Israel, para me administrarem o ofício sacerdotal; a saber: Arão, Nadabe, e Abiú, Eleazar e Itamar, os filhos de Arão. Êxodo 28:1.

E um capítulo depois veja o que acontece com os dois sacerdotes que Ele mesmo escolheu, que comeu e bebeu em Sua presença (veja se isso te relembra algum evento) e veja se isso não é passivo de umas noites de sono perdido se a você couber essa reflexão:

(...)E os filhos de Arão, Nadabe e Abiú, tomaram cada um o seu incensário e puseram neles fogo, e colocaram incenso sobre ele, e ofereceram fogo estranho perante o SENHOR, o que não lhes ordenara.

Então saiu fogo de diante do Senhor e os consumiu; e morreram perante o Senhor.
Levítico 10:1,2.

Então a pergunta é: em se vendo acontecer tudo o que está escrito, e sabendo como sabemos que Jesus sabia que aqueles sacerdotes iriam ter aquele fim, por que será que tal evento está registrado, senão para nos dizer alguma coisa???! Converse aí com 'seu espelho', quem sabe ele te responde.

O cemitério, enfim...

“Irmão Franco, tive outro sonho. Nesse eu sonhei que eu estava na sede (igreja matriz) e as pessoas estavam velando e orando em pé para que o morto, que no sonho eu não sabia quem era, ressuscitasse, e ele ressuscitou. Nessa hora eu subia uma escada e lá no primeiro andar da igreja era um cemitério. Daí eu notei que as pessoas que estavam sepultadas ali era na maioria pregadores. De repente eu vejo um demônio correndo atrás de mim e de uma irmã, que é até minha mãe na fé. Aí eu disse pra ela subir nas minhas costas e nessa hora comecei a levitar, a flutuar, e consegui fugir do demônio carregando a irmã nas minhas costas. Aí acordei”.

- O que Jesus mostrou a você nesse sonho é que as almas estão morrendo dentro da igreja – por isso o cemitério, e por isso no primeiro andar; o que Jesus está mostrando a você é o destino dos que estão pregando porem não vivendo o que pregam, por isso a maioria dos sepultados ali eram pregadores; o que Jesus está te mostrando é o estado em que se encontra o Seu altar (morto) por isso era um homem e não uma mulher no caixão; o que Jesus está te mostrando, é que a igreja, se tomar posição - por isso todos estavam em pé, o altar ressuscita - o que está representado que o clamor será ouvido, e que fez o homem levantar da morte. Mas o quê do seu sonho está na hora em que você flutua com aquela senhora nas costas e consegue fugir do demônio que lhes prosseguia: a mulher nas suas costas representa a igreja, que já não é tão novinha, por isso uma mulher de idade; que escapará do ataque do mal a partir duma iniciativa sua – que está no convite para que ela subisse nas suas costas. Que indica que, contado os sonhos e desvendado os enigmas, o povo despertará. Mas observe que você vinha prevaricando à entrega. E o que Deus fez foi te mostrar qual serão as consequências da sua covardia e o resultado diferente se você tomar atitude. Deixe quem quiser falar, mas o que Jesus está te mostrando é que, de quem você tem medo, aceitando ou não o que Ele tem te revelado, o resultado será uma igreja NA POSIÇÃO, disse a ela.

Mas como a irmãzinha não iria entregar a mensagem pessoalmente não atoa Jesus deu os sonhos a ela, sabedor que Ele é de que ela viria aqui me contar e que Ele por misericórdia de nós, daria o discernimento e também que Ele viria a mim, para que eu fizesse o que estou fazendo agora, aqui está, a quem possa interessar.

Mas eu tenho um último conselho a dar nesse texto. E, além da advertência àqueles que por ventura, por conta dum erro visto, dalguma cisma ou outra, estiverem com o pensamento de rejeitar a pregação do Evangelho de Cristo, aos quais eu informo que Ele está à procura de soldados de valor justamente para a mudança desse quadro que será por Ele mesmo perpetrada muito mais rápido do se pensa, que não se esqueçam de que a fé é que traz a salvação e que ela é individual; e que mesmo não se entrando na gloria abraçado com pregador algum a (...)fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus (Romanos 10:17), é preciso lembrar aos ‘de dentro’ que estiverem pensando em rejeitar as mensagens que Deus deu a essa irmã, que tenham juízo!!!

(...)Por que razão contendes com ele, sendo que não responde acerca de todos os seus feitos?

Antes Deus fala uma e duas vezes; porém ninguém atenta para isso.

Em sonho ou em visão noturna, quando cai sono profundo sobre os homens, e adormecem na cama.

Então o revela ao ouvido dos homens, e lhes sela a sua instrução,

Para apartar o homem daquilo que faz, e esconder do homem a soberba.
Jó 33; 13-15.

Quanto a mim, nada mais estou fazendo e tenho feito que, vendo o Senhor como O tenho visto, tão triste com o destino desenhado contra si próprias por não poucas almas a despeito do Seu corpo partido como foi por mim e por você naquela cruz, é advertir e advertir. Assim, ainda registrando que Ele não quer uma igreja inchada mas uma igreja santa, sobre tudo o que foi dito aqui, e da forma que foi dito e os enigmas explicados como foram explicados, em te cabendo, se ao invés de receber e buscar se corrigir você preferir ''se queixar'', sugiro que vá se queixar a Ele e vamos ver o que Ele te diz. Desta forma, avisado da morte iminente de almas onde é para abundar a Vida, sou trazido à conclamar àqueles que não tem cedido às astucias e tampouco caído nas armadilhas de Satanás, os sete mil que não se dobraram a Baal, que...

(...)Tocai a trombeta em Sião, e clamai em alta voz no meu santo monte; tremam todos os moradores da terra, porque o dia do SENHOR vem, já está perto; Joel 2:1.

Quem tem ouvidos ouça!!!

Jesus é bom.

Shalom.

Antônio Franco Nogueira – a serviço do Reino eterno!

AQUI mais textos do autor.

Antônio Franco Nogueira – a serviço do Reino eterno!
Antônio Franco Nogueira – a serviço do Reino eterno!

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br