Galeria de fotos

Não perca!!

Antonio Franco Nogueira

Franco pai e Franco filho, dias antes 'do reencontro do rapaz com Jesus', tratando da questão que o afligiu (Foto Ester Pereira)
Franco pai e Franco filho, dias antes 'do reencontro do rapaz com Jesus', tratando da questão que o afligiu (Foto Ester Pereira)

(...)Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus. Mas qualquer que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai, que está nos céus. Mateus 10:32,33.

‘Pai, por favor me ajude!”. Qual pai ouve um apelo desse dum filho que não se aflija para socorrê-lo? A situação era carente mesmo duma solução que ele não tinha como resolver sozinho naquele momento.

Depois de me angustiar um tanto que não saberia medir o quanto, retornei dizendo que o ajudaria a resolver a questão. E questão resolvida e um tempo depois de muita oração, e um número incalculável de apelos para que ele viesse trabalhar junto comigo no Evangelho, fiz uma oração especial pedindo que Jesus, que já o vinha visitando em sonhos consecutivos mas que mesmo com a revelação tremenda sobre a que se referiam os sonhos, e ainda que ele viesse sendo minado em sua resistência a que Jesus Cristo é o ÚNICO caminho, ele continuava resistente; até que o Salvador o visitou atendendo ao meu apelo já desesperado.

“Pai, tive um sonho essa noite meio sem sentido”, me disse ele pela manhã ao entrar no quarto para me colocar na cadeira de rodas. Diga seu sonho sem sentido, e vamos ver o que Deus fala, respondi.

“Sonhei que uma pessoa engraxava meu sapato fosco e quando olhei pro buraco que ele tinha, feito pelo pedal da moto, o buraco já não já existia, tinha sido concertado. E notei que o sapato era o seu e não o meu!”.

Quando ele acabou de falar, olhei bem pra reação que ele teria e disparei: seu sonho sem sentido é Jesus te dizendo (para honra e gloria do filho de Deus e graça d’Ele sobre mim): Segue os passos do teu pai; que são passos recompostos, limpos, que brilham! Aleluia!!!

Mesmo que eu tenha estado atento a reação que ele teria depois da revelação, onde vi que aquilo foi como uma flecha em seu coração, e recordando o conselho que Jesus mesmo lhe deu, foi eu que fiquei assustado ao saber que Meu Criador não me tem em má conta, como alguns pensam, e me dá como exemplo a meu filho. Isso não tem valor calculado ou dinheiro que compre – desculpa mas não dá pra não dividir com você uma coisa dessas. Aliás, diante dum equivoco que cometi dia desses, semana passada Ele veio no meu sono e me disse: Cuidado, que você é exemplo! Em seguida percebi uma pessoa no ambiente, que me pareceu um provável substituto. O que me pareceu claro que do contrário, eu (e a quem mais couber) poderei ser substituído se não ouvir o conselho. Aliás, guarde aí na mente Eclesiastes 11; 6.

Ele me pôs na cadeira e foi pra casa com a mensagem e o conselho divino na cabeça. E pela forma como passou a se comportar não foi preciso fazer muito esforço para concluir que a partir dali um filme, na verdade uma serie deles, passou a visitar sua mente.

Não sei se cansado pela vida errante, sobretudo no sentido espiritual da palavra, ou se pelo efeito da última visitação, o que eu sei é que de repente ele chegou em mim e disse: “Pai, tô inda pra igreja!”. E eu com meus botões: DEUS É FIEL!!!

Eu não sei se você sabe bem a definição de ‘fé’. A Bíblia diz que “a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não veem”. E quando algo a ser resolvido não está à altura do sujeito - e arrancar os cabelos somente aumenta a dor de cabeça, não há outra saída a além de procurar ajuda com quem tem mais poder do que o personagem interessado envolvido na celeuma. E vendo meu filho em perigo iminente de não alcançar sua salvação, que é o que passou a ser muito mais importante pra mim do que as conquistas seculares, já que descobri nas Escrituras que dinheiro e nem poder algum não me ajudarão em nada, e nem a você, no dia do Juízo, foi ao Céu que eu recorri. Fui pedir ajuda Àquele para Quem não há causa impossível qualquer. Isso faz um ano. Durante a oração, pedindo que Deus tivesse misericórdia e o trouxesse de volta (ele já esteve dentro da promessa e por causa ‘dos erros que via’ saiu - agora duvidando da divindade de Cristo e estabelecendo nas redes sociais, como muita gente sabe, uma verdadeira cruzada contra Jesus, até se autoproclamando ‘ateu’), na verdade já no finalzinho da oração, eis que percebo, até levei um susto, como que algo tivesse soprado, um sopro gelado e muito gostoso bem dentro do meu peito, na carne do coração. Daí nem consegui mais falar nada além de glórias e glorias e glorias, pois de pronto fui levado a entender que foi o Espírito Santo que soprara como quem diz “Deixa Comigo!”.

Pausa:

(...)E angustiarei os homens, que andarão como cegos, porque pecaram contra o Senhor; e o seu sangue se derramará como pó, e a sua carne será como esterco.

Nem a sua prata nem o seu ouro os poderá livrar no dia da indignação do Senhor, mas pelo fogo do seu zelo toda esta terra será consumida, porque certamente fará de todos os moradores da terra uma destruição total e apressada.
Sofonias 1:17,18.

(Antes de você se apavorar, anote que entre esses "todos os moradores da terra" não estarão os que tiverem se decidido por Ele, como seu Salvador da ira do Pai)

No dia seguinte a esse acontecimento, além do testemunho a respeito desse evento que dei na igreja e as reiteradas vezes que comentei com uma irmã, Andreia Barbur, disse a ele e à minha esposa sobre o que havia acontecido e disse que aquilo apontava que seguramente Jesus o traria de volta. Muitos, de perto e de longe, porém não creram devido a sua resistência e a forma como ele se conduzia na vida. Mas quem assim pensou se esqueceu de que uma das especialidades estratégicas de Deus para mostrar ao coração duro do homem o seu poder, é exatamente dando corda o quanto mais melhor ao indivíduo para depois mostrar quem é que de fato MANDA. Como Ele fez, como exemplo clássico, para quem examina a Bíblia, com Faraó, no Egito, conforme em Êxodo 14.

E siga atento/a aí que a depender da sua situação pode ser que Jesus não esteja dando 'um sopro' no seu coração mas uma cutucada nele por seu caso ser bem mais urgente ainda que você não saiba mas que Ele sabe.

Aliás, você deve estar lembrado/a que te pedi que guardasse na mente certo versículo bíblico mais acima. Então deixa eu tratar logo com você a revelação, acompanhada com uma cobrança, que recebi do Pai essa madrugada, que inclusive me alegrou sobremaneira por que isso foi só a tampa da panela do que Ele há dias vem tentando me advertir:

(...)Pela manhã semeia a tua semente, e à tarde não retires a tua mão, porque tu não sabes qual prosperará, se esta, se aquela, ou se ambas serão igualmente boas. Eclesiastes 11:6.

Eu já disse aqui não poucas vezes que escrever esses textos faz parte do ministério que Jesus pôs a meu cargo para que o quanto maior número de pessoas puder ser alcançada melhor, por Ele saber que isso não aconteceria no “boca a boca” no volume que precisa alcançar justo pelo tempo se estreitando para a consumação das coisas e mais ainda por não poucas vidas que estão expirando sem que partam com a salvação de suas almas, conforme para isso Ele morreu e ressuscitou naquela cruz. Então preste bem atenção agora.

Vendo que eu posso fazer bem mais do que tenho feito já que tenho recebido d’Ele o talento para escrever - já que estudar não estudei, e as revelações privilegiadas que tenho recebido, conforme Ele mesmo me disse outro dia, o que aumenta sobremaneira minha responsabilidade, o que não vinha fazendo, e que Ele viu que mesmo me visitando no sono e me dizendo que eu estava “dormindo”; que eu estava “atrasado”; e que eu estava “perdendo oportunidades”, mas que nada mudou, e que eu entendi que uma situação que envolveu umas pessoas próximas, eu e meu filho inclusive, que muito me incomodou, era justamente Ele agindo, ou seja, que foi tudo com a permissão d’Ele para que eu enfim retomasse o que eu estava deixando de canto (prevaricando, pra ser mais direto), quando então me deu a revelação da passagem acima justamente te tendo na mente. Sobre o que decerto noutro texto mais à frente eu contarei em detalhe, se me for autorizado.

Na primeira parte, o lançar a “minha semente” pela manhã e não recolher a “minha mão” pela tarde, quer dizer que eu devo fazer bem diferente do que eu vinha fazendo, sobre esses textos, os escrevendo quando eu queria escrever alem doutras coisas mais - e atento/a aí, você que prevarica 'por profissão' - essa é a “minha semente (a Palavra d’Ele que eu tenho que pregar)”, e a todo tempo, que está representado no “pela manhã e pela tarde!”. Mas a revelação, depois duma confirmação da ordenança que trata toda a questão, é que isso - por que enquanto eu prego, ou escrevo, num tempo e noutro não corro o risco de ter trabalhado em vão no tempo que terei “escolhido” para semear (pregar o Seu Nome), justo por Ele saber do quão duro é o coração das pessoas. Assim, para “garantir ao menos alguns”, pregue-se a quantos mais pudermos pregar, ou semear, como queira. Entendeu?

E na segunda parte -  que na verdade é onde está o cerne da revelação, e até me dói dizer o que significa o “não saber qual prosperará”, se essa (a que ouviu no primeiro momento) “ou aquela” (a que tiver ouvido no segundo), ou “se ambas serão igualmente boas”, justo por que o que o Espírito me deu disso foi o que Ele tem me dito desde minha conversão e que confirma ali, que não bastará ouvir e “ir à igreja”, mas tem que ser semente QUE GERMINE E DÊ FRUTOS. Em outras palavras, que no mínimo seja regenerado. O que na verdade está dito por toda as Escrituras, mas que não poucos pregadores torcem, dizendo que “o preço já foi pago” portanto pode ‘chutar o balde’ (odiar, não perdoar, guardar rancor, não obedecer a Deus; não meditar nas Escrituras; não orar, não ter vida devocional alguma, e pior ainda, não evangelizar – tem os que, quando não por preguiça, até entregar um folheto tem vergonha), afora a promiscuidade e adultério, a pecaminosidade ao quadrado, que alguns escolhem como estilo de vida. Então são essas as sementes que no fim não prosperarão!!! É isso que Ele me disse a que se refere a segunda parte da passagem. Ou seja, ouviu a Palavra (semente), recebeu, mas não a procedeu. Percebeu?

Então, preocupado com Suas almas, sabedor que é que se deixar que o povo decida o que se vai preferir é o caminho direto da morte de fogo dado o prazer carnal se sobrepondo ao espiritual, Jesus tem levantado pessoas e nos dando estratégias cobrando a outros que seja feito o trabalho de pregar a salvação de um sem número de maneiras afim de permitir o mínimo de chances possíveis de o sujeito O continuar recusando. No meu caso é escrevendo e publicando aqui. Onde em quase todos os texto há enigmas que, à primeira vista você vê como um sonho confuso mas que depois que Ele revela é difícil não se impactar, e entender que não pode ser "do homem" o deciframento, mas Ele mesmo falando ao povo. Foi por isso a cobrança como se deu, e tolo que não sou, tendo como tenho conhecimento do que espera os desobedientes, aqui estou.

(...)Porque, se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, pois me é imposta essa obrigação; e ai de mim, se não anunciar o evangelho! 1 Coríntios 9:16.

“Pai, vamos devolver a casa a Renato? Por favor meu pai, ele está muito mal. Além do que se eu não batesse nele ele não teria nos dado aquele prejuízo...”.

Se você é leitor desse portal, deve ter visto há dois anos a publicação que deu conta duma pessoa que tocou fogo num carro na porta duma empresa, e por consequência queimou também instalações elétricas e do sistema de segurança dessa empresa, que por acaso é nossa a empresa e foi o nosso carro. O homem estava enfurecido por ter apanhado dele, por que ele havia descoberto que sua esposa e então enteada do moço, quando criança havia sido estuprada pelo incendiário.  E o resultado disso foi que os familiares do rapaz resolverem a situação pagando com a casa dele o nosso prejuízo. Pois é a esse caso que ele, que esteve visitando o homem para lhe pedir perdão, estava se reportando. Ao ouvir aquilo não me contive de alegria e logo me veio à mente O SOPRO no meu coração: Deus é fiel. E quando Ele diz “DEIXA COMIGO” é por que é PRA DEIXAR, que Ele não faz trabalho pela metade.

Então disse a ele, ainda que a situação econômica do país não esteja pra ninguém estar sorrindo atoa, a casa estava sendo devolvida naquele mesmo momento. Horas depois ele, entrando na minha sala, me disse: “Meu pai, eu soube que Renato está ganhando uma casa do governo, vamos devolver a casa a ex mulher dele, que está morando de favor?”, ao que eu lhe disse que a casa estava sendo entregue a ele, que ele fizesse como achasse melhor. E no dia seguinte ele me exibe um vídeo emocionante onde dá a notícia à mulher. Curta isso aí junto comigo, que ainda vibro com a situação.

As vezes penso como que uma pessoa com um coração assim pôde um dia rejeitar a presença de Deus. Mas é como já foi dito, e você esteja atento/a a isso, que Deus quer se manifestar no quanto mais improvável melhor. Mas refletindo um tanto mais a respeito, e vendo já a força com que o Espírito Santo o retomou, depois da engenharia que o próprio Jesus fez para que tudo assim ocorresse, o que ele faz com isso não vai além de cumprir uma ordenança, de ser obediente como devemos ser. Lembra?

(...)Ordena aos que são ricos no presente mundo que não sejam orgulhosos, nem depositem a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus que nos concede generosamente tudo o que precisamos para viver satisfeitos; Orienta-os a praticarem o bem, e que sejam ricos em boas obras, sensíveis, solidários e generosos, 1 a Timóteo 6; 17, 18.

“Meu pai, de cada 10 pessoas que eu evangelizo 7 estão afastadas!”.

Não, essa não foi uma conversa do tempo que esteve ele afastado; ele está falando dos dias atuais. Sim, ele se reconciliou com Deus há menos de 15 dias e praticamente no dia seguinte já estava com um papel na mão com 25 nomes anotados, das pessoas que ele já tinha em mente para pregar a Palavra e chamar para dentro do Aprisco. E quem botou no coração dele que Deus não aprova crente parasita? O próprio Espírito de Deus! Não se esqueça da cobrança que Ele fez a mim somente por causa duns “intervalos” que eu vinha dando nas atividades cabidas ao meu ministério que eu te reportei mais acima. Não ficará mesmo nada barato para quem chegar “lá em cima” de mãos abanando. Se ligue.

(...)Na presença de Deus e de Cristo Jesus, que há de julgar os vivos e os mortos por sua manifestação e por seu Reino, eu o exorto solenemente:

Pregue a palavra, esteja preparado a tempo e fora de tempo, repreenda, corrija, exorte com toda a paciência e doutrina.

Pois virá o tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, sentindo coceira nos ouvidos, segundo os seus próprios desejos juntarão mestres para si mesmos.

Eles se recusarão a dar ouvidos à verdade, voltando-se para os mitos.

Você, porém, seja sóbrio em tudo, suporte os sofrimentos, faça a obra de um evangelista, cumpra plenamente o seu ministério.
2 Timóteo 4:1-5.

Observe que eu grifei com negrito a frase “esteja preparado”, além de que isso quer dizer, afora que o crente tem que estar em constante comunhão com Ele, Jesus fala ali, por meio do apostolo, que ler e meditar incessantemente nas Escrituras é o melhor dos preparos para quem vai pregar a Mensagem, além de que há muitas outras advertências para lá de importantes que, decerto, se atentando nós para a passagem, jamais cairemos no erro do comodismo, do conformismo e muito menos na fatídica conveniência DA AUTO-SATISFAÇÃO com que muitos tem se abraçado nos últimos tempos, esquecendo da célebre fala do apostolo Paulo aos Gálatas: (...)vivo não mais eu, mas Cristo vive em mim, e que tem sido a principal causa do tanto de crente espiritualmente fracos e analfabetos bíblicos como se tem visto num canto sim e no outro também, conforme me tem sido mostrado pelo próprio Jesus, mas que não vou discorrer mais devido o tamanho do texto, porem conclamando a que você depois volte e, com sua Bíblia na mão, reflita deveras um tanto na passagem e não somente nessa passagem.

(...)Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme a tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido. Josué 1:8.

“Meu pai, ora aí, que eu não quero voltar com nada de mim, eu quero voltar completamente cheio de Deus”. Me disse via WatZapp, ele que, juntamente com a esposa, estava a caminho duma reclusão de três dias, na verdade um “vestibular espiritual”, por assim dizer, que eles chamam de "Encontro com Deus", promovido pela igreja onde congregam. Vou orar, mas ore você também. Ore por mais do amor que você tem por Ele, por um tanto que você possa suportar das virtudes e dos atributos santo d’Ele; ore por mais do dom da obediência, do temor; ore pelo dom do discernimento, da sabedoria, da inteligência, e de mais da disposição para o trabalho, para aplicar tudo primordialmente no avanço do Evangelho do filho d’Ele, respondi. E muito feliz por testemunhar que meu filho foi atingido em cheio pelo Espírito de Deus e que buscar o que tem que ser buscado por quem quer fazer parte do Corpo do santo dos santos, encerrei a conversa.

(...)Porque os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne; mas os que são segundo o Espírito para as coisas do Espírito.

Porque a inclinação da carne é morte; mas a inclinação do Espírito é vida e paz.
Romanos 8:5,6.

Mas deixa eu te dizer com qual propósito eu fiz toda essa engenharia literária para te contar que meu filho agora é um soldado de Deus, como ele gosta de falar, e disposto a se embrenhar selva adentro na busca dos perdidos na mata da vida cheia de feras mortais, a saber, os agentes de Satanás; além de te mostrar, trazendo você a, por tabela mas que é esse um dos principais propósitos, ler ao menos um pouco de Bíblia, se esse ainda não for um costume seu, que quando Deus promete pode esperar que Ele cumpre, conforme o “Sopro” do qual te falei que Ele deu no meu coração, dizendo que deixasse com Ele que Ele resolveria a questão, como de fato resolveu e como sempre acontece quando Ele entra no negócio e a pessoa deixa Ele entrar, sai tudo muito bem resolvido conforme narrado acima:

Quem conhece o personagem Franco Filho, sabe como ele é, ou era, melhor dizendo, meio “vida loka”. E o que eu quero lhe pedir, muito mais ainda a você que por alguma razão não se viu tocado/a ainda pelo disposto no texto, que é escrito por divina inspiração, posto eu sempre orar pedindo que o comando seja do Espírito d'Ele e não do meu, é que se você tem uma causa a seus olhos impossível de ser resolvida, seja ela na direção que seja, como eu via a minha com meu filho até receber aquele Sopro durante a oração em que apelava ao Pai por ele, tenha nesse exemplo a certeza de que não há impossível para o advogado especialista nesses tipo de causa, que atende por Doutor Jesus Cristo de Nazareth, e, confiando na Sua competência, apenas ajoelhe, se você puder, se não vai sentado mesmo ou ainda deitado/a – só não deixe de contar tudo, que não se deve mentir para o advogado, ainda mais Esse, e tudo o que for melhor para o Plano que Ele tem para as Suas almas será feito. Somente confie.

Entretanto, porém, todavia, embutido em tudo que foi dito, o que eu queria mesmo era gritar ao mundo e dividir com quantas almas mais eu puder dividir, que eu não estou me cabendo em mim, e por pouco não explodindo, com o que está acontecendo com meu filho. Na verdade, vendo o tipo de crente em Cristo que o desenho tem me mostrado que ele tem sede de ser, acho que nem caiu ainda a ficha toda do quão grande coisa isso representa para ele no Reino de Deus. Mas se você é pai, ou mãe, e tem 'aí dentro' um mínimo de consciência cristã, acho que você me entende.

Ah, já ia esquecendo de te avisar que se prepare para recebe-lo, seja na sua casa, no trabalho, ou no banco da praça, que com a sede em tirar o atraso que ele está, e cheio do Espírito como também se encontra, e tendo entendido perfeitamente o que quer dizer a ordenança Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura (Marcos 16:15) - não atoa, além dos bebedores de cachaça e prostitutas que ele me disse que tem abordado, esses dias ele entrou aqui me dizendo que ao avistar um travesti na rua, desceu da moto e, sem se importar com os olhares, abraçou o rapaz e seguiu praça adentro abraçado com ele pregando o Evangelho, muito mais cedo do que você espera isso vai acontecer também com sua pessoa.

(...)Lavai-vos, purificai-vos, tirai a maldade de vossos atos de diante dos meus olhos; cessai de fazer mal.

Aprendei a fazer bem; procurai o que é justo; ajudai o oprimido; fazei justiça ao órfão; tratai da causa das viúvas.

Vinde então, e argüi-me, diz o Senhor: ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a branca lã.

Se quiserdes, e obedecerdes, comereis o bem desta terra.

Mas se recusardes, e fordes rebeldes, sereis devorados à espada; porque a boca do Senhor o disse. Isaías 1:16-20.

Jesus é bom.

Shalom.

Antonio Franco Nogueira - a serviço do Reino eterno.

AQUI mais textos do autor.

Reconciliação de Moisés Franco com Jesus Cristo
Reconciliação de Moisés Franco com Jesus Cristo

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br